23 de julho de 2019
Abime
Inovação

Festival Pint of Science

via Por Vir – Inovações em Educação

O bar pode ser um local para discutir algo tão importante quanto a ciência e de forma descontraída, sem jargões e mantendo a credibilidade científica para a sociedade. Esse é o objetivo do Festival Pint of Science, que acontece entre 20 e 22 de maio com o objetivo de derrubar intermediários entre o cientista e a sociedade, estabelecendo um canal direto de conversa.

Por trás do festival há uma equipe nacional de 10 pessoas, sete coordenadores regionais, os coordenadores dos municípios participantes e ainda os coordenadores de cada estabelecimento que recebe o festival. São voluntários, muitos estudantes de pós-graduação e envolvidos com na área científica das melhores universidades do país com o objetivo de explicar para a população como a ciência funciona e suas novas descobertas.

Neste ano, o festival acontece em 24 países e o Brasil é o campeão, com 87 municípios. Os temas continuam diversos: vacinação, mudanças climáticas, câncer, vida em marte, modificação genética de bebês e por aí vai.

Histórico 

O festival acontece ao longo de três dias consecutivos todo mês de maio e chegou ao Brasil como um projeto piloto na cidade de São Carlos, em 2015. Logo, o evento conquistou as pessoas pela forma descontraída com a qual explica a dinâmica das pesquisas. Em 2016, foram sete municípios; em 2017 o festival esteve em 22 cidades e em 2018, foram 56 participantes! Este ano, 2019, estamos em primeiro lugar com 89 cidades recebendo o festival; em segundo está a Espanha, com 72.

Nascido em 2012, da iniciativa de dois pesquisadores do Imperial College de Londres que realizavam encontros em seus laboratórios sobre doenças neurodegenerativas, o festival logo conquistou os cinco continentes. Os pesquisadores Michael Motskin e Pavreen Paul recebiam pacientes e pessoas interessadas em suas pesquisas e com o sucesso do encontro se perguntaram como seria possível levar o cientista até as pessoas. Assim começava o Pint of Science; o maior festival de divulgação científica do mundo.

– Veja o mapa de bares e a programação

Fonte: Por Vir – Inovações em Educação | http://porvir.org/

Postado por: ABIME | www.abime.com.br

Related posts

Feira de educação apresenta práticas inovadoras para aprendizagem

Carolina Sab

Professores da rede pública são reconhecidos por projetos transformadores

Carolina Sab

Conheça cursos que incentivam educadores a inovar na escola

Carolina Sab

Deixe um comentário