plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour
22 de novembro de 2019
Abime
Projetos

Série retrata experiência de 13 escolas brasileiras que inovaram na educação

Série Sementes da Educação, disponível na plataforma Videocamp, mostra escolas que conseguiram inovar os métodos educacionais, respeitando suas peculiaridades e culturas

Estreou na segunda-feira 14, na plataforma Videocamp, a série Sementes da Educação que vai mostrar a experiência de 13 escolas brasileiras que adotaram propostas pedagógicas inovadoras e transformadoras, e que assim exercem um grande impacto positivo sobre os seus alunos e sobre toda a sociedade.

Com um episódio dedicado a cada escola, a série – dirigida por Hygor Amorim e produzida pela OZ Produtora -, foca em instituições de ensino que, conseguiram inovar os métodos educacionais, respeitando suas peculiaridades e culturas, e o envolvimento da comunidade com a escola.

O conteúdo, gratuito, pode ser utilizado por profissionais da educação que, a partir de um cadastro especial, podem ter acesso a ferramentas pedagógicas, como as trilhas de investigação, que são planejamentos de aula criados para orientar o uso dos filmes em ambientes educativos.

Também é possível, pela plataforma, organizar exibições do conteúdo em escolas ou espaços não escolarizados.

Além da experiência das escolas, a série conta com a participação dos especialistas Celso dos Santos Vasconcellos, doutor em Educação pela USP; Caio Dib, jornalista e fundador do site “Caindo no Brasil”, e Rosely Sayão, psicóloga especialista em temas sobre educação de crianças e adolescentes.

Confira a lista e o trailer de cada um dos episódios:

#1 Cieja Campo Limpo, de São Paulo (SP)

#2 Escola Canadá, de Viamão (RS)

#3 EMEF Guido Lermen, de Lajeado (RS)

#4 IFET Paraná – Campus Jacarezinho, de Jacarezinho (PR)

#5 Escola Maria Peregrina, de São José do Rio Preto (SP)

#6 EMEF Desembargador Amorim Lima, de São Paulo (SP)

#7 EM Acliméa Nascimento, de Teresópolis (RJ)

#8 Escola Municipal Cecília Meireles, de Nova Friburgo (RJ)

#9 EEEP Alan Pinho Tabosa, de Pentecoste (CE)

#10 Centro Municipal de Educação Infantil Hilza Diogo Cals, de Fortaleza (CE)

#11 Escola Pluricultural Odé Kayodê, de Goiânia (GO)

#12 Escola Janela, de Cavalcante (GO)

#13 UFABC, de Santo André (SP)

FONTE: Carta Educação | www.cartaeducacao.com.br

Postado por: ABIME | www.abime.com.br

Related posts

ONG luta para manter escolarização de crianças e jovens com câncer

Carolina Sab

Governo do Japão oferece bolsas de estudo a brasileiros

Carolina Sab

Redações para Olimpíada de Língua Portuguesa já podem ser enviadas

Carolina Sab

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.