4 de agosto de 2020
Abime
Sala de Aula

Jaguariaíva lança Programa de Tecnologia nas Escolas

Além de internet de alta velocidade, cada escola agora tem um espaço com carteiras digitais, sendo um equipamento por aluno

A Prefeitura de Jaguariaíva, através da Secretaria Municipal de Educação Cultura e Esporte (Smece) realizou nesta terça (10) o lançamento do Programa de Avanço de Tecnologia nas Escolas. A apresentação dos novos recursos multifuncionais, incluindo carteiras digitais e outros equipamentos, ocorreu junto com a formatura de quase 100 alunos de 5º ano na Escola Municipal Júlio de Mesquita Filho, uma das maiores do município.

Várias autoridades compareceram, entre eles o prefeito José Sloboda (Juca), e a vice-prefeita e secretária de Educação, Cultura e Esporte, Alcione Lemos. O prefeito Juca saudou a todos e observou que crianças que acabaram se se formar tiveram a boa formação que é oferecida nas unidades de educação pública municipal. Analisou que, com a base sólida que tiveram, poderão seguir em frente e continuar os estudos e sua formação como cidadãos.

Apresentação do Programa Avanço de Tecnologia foi feito pela vice-prefeita Alcione. Ela explicou que o município aderiu ao Programa de Inovação Educação Conectada, que viabiliza a oferta de conexão à internet, conteúdos educacionais digitais e formação de profissionais. Além disso, as escolas receberão carteiras digitais com recursos da Smece.

O objetivo principal do programa de Inovação Educação Conectada, viabilizado através do MEC (Ministério da Educação), é desenvolver uma educação que estimule práticas pedagógicas inovadoras, utilizando tecnologias para promover a aprendizagem, eficiência na gestão e desenvolvimento profissional para gestores e professores. “As escolas receberão recurso via PDDE (Programa Dinheiro Direto na Escola), conforme o número de alunos, pois o Programa Educação Conectada foi aderido pela Smece via SIMEC/PAR em 2017”, relata a diretora de Educação, Andreia Valentim.

Outro investimento além de internet de alta velocidade são os equipamentos para instalação de Salas Multifuncionais. Cada escola agora tem um espaço com carteiras digitais, sendo um equipamento por aluno. Segundo a diretora Andreia, esses equipamentos poderão ser usados também para fazer as atividades tradicionais fora do ambiente virtual e vão contribuir para o multiletramento através dos inúmeros recursos que estarão disponíveis.

“A cultura digital é a quinta competência da base nacional de educação, então não tem mais como os municípios não criarem políticas públicas neste sentido, e Jaguariaíva está além do exigido, visto que já estamos neste processo de inovação no ensino desde a educação infantil há alguns anos”, observa.

Educação do futuro – Tanto o Programa de Inovação Educação Conectada quanto a implantação das carteiras digitais complementam outras iniciativas na área de inovação e tecnologia já viabilizadas nas escolas municipais jaguariaivenses. Através da Smece, já são disponibilizados tabletes-PC para uso de alunos nas aulas, lousas digitais, notebooks para professores, mesinhas digitais nos cemei’s, salas de informática e salas de Proinfo.  A secretária de Educação, Cultura e Esporte e vice-prefeita, Alcione Lemos, destaca que os órgãos públicos municipais já contam com a fibra óptica instalada para conexão de alta velocidade, via Programa Cidades Digitais, e com isso a implantação do Programa de Inovação Educação Conectada deve ser executada com a eficiência planejada.

“Nossas crianças usarão os programas educativos digitais que já temos e ainda poderão usar a internet de forma orientada pelos professores, tendo assim o acesso a uma tecnologia de primeiro mundo”, informa. Alcione complementa que hoje nas escolas do município a tecnologia será um instrumento de ensino, assim como os tradicionais livros, cadernos, lousas e giz.

A internet do Programa de Inovação Educação Conectada e carteiras digitais, nas Salas Multifuncionais, estarão disponíveis já no início de 2020, informa a vice-prefeita Alcione. “É mais uma grande conquista para nossos alunos, professores e toda a comunidade escolar. Tudo isso mostra que a nossa proposta de trabalho de oferecer o melhor para nossas crianças e suas famílias se efetiva a cada dia”, observa. Alcione lembrou que o plano de ampliar o acesso às novas tecnologias para a população começou há cerca de 10 anos, com a implantação do Núcleo Tecnológico, que já formou centenas de jaguariaivenses com cursos de informática gratuitos.

Fonte: a Rede
Postado porABIME

Related posts

Facilitador, mentor e mediador: o novo papel do professor na escola

julio_bessa

Qual é o papel do professor no processo de ensino?

julio_bessa

Itaú Cultural lança canal com planos de aula sobre arte e cultura

Carolina Sab

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.