20 de setembro de 2020
Abime
Políticas Públicas

Congresso prorroga validade da MP que flexibiliza calendário escolar

Abime-projeto-de-lei-quer-regular-volta-as-aulas-no-pais-apos-pandemia

O material jornalístico produzido pelo Estadão é protegido por lei.

O presidente do Congresso Nacional, senador Davi Alcolumbre, prorrogou por mais 60 dias a validade da Medida Provisória 934/2020, que promove ajustes no calendário escolar de 2020. A prorrogação se deu por ato publicado nesta quinta-feira (28).

Pelo texto da medida provisória (MP), as escolas da educação básica e as instituições de ensino superior — que estão com as aulas presenciais suspensas em decorrência da pandemia de coronavírus — poderão distribuir a carga horária (800 horas anuais no caso da educação infantil e dos ensinos fundamental e médio) em um período diferente dos 200 dias letivos previstos na legislação.

O ajuste valerá enquanto durar a situação de emergência da saúde pública. Tanto a carga horária como o número de dias letivos são definidos pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB — Lei 9.394, de 1996).

A educação superior também conta com a previsão legal de 200 dias letivos obrigatórios — excluído o tempo reservado aos exames finais, quando houver. A carga horária se aplica de acordo com as diretrizes curriculares dos cursos. A flexibilização deverá seguir as normas dos respectivos sistemas de ensino.

A MP aguarda votação nos Plenários da Câmara dos Deputados e do Senado Federal.

Fonte: Agência Senado

Postado por: Abime | www.abime.com.br

 

Related posts

MEC realiza cursos de formação para professores da zona rural

Carolina Sab

Santa Bárbara d’Oeste ganha unidades do Programa Creche Escola

Carolina Sab

Sedu realiza ‘Encontro com auxiliares de Educação’ em Sorocaba

Carolina Sab

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.