13 de junho de 2021
Abime
Notícias

UFRJ corre o risco de fechar no 2º semestre

UFRJ

Em meio a cortes no orçamento, a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) corre o risco de fechar às portas em julho de 2021.

A denúncia foi feita pela reitora e pelo vice-reitor, Denise Pires de Carvalho e Carlos Frederico Leão Rocha, em artigo publicado no jornal O Globo.

De acordo com o artigo, a UFRJ não tem condições financeiras de arcar com os gastos relacionados às áreas de segurança, limpeza, eletricidade e água. “O governo optou pelos cortes, e não pela preservação dessas instituições. A Universidade nem sequer pode expandir a arrecadação de recursos próprios, pois não estará garantida a autorização para o gasto. A Universidade está sendo inviabilizada”, diz o texto.

Caso a situação se concretize, atividades de educação e pesquisas relacionadas ao desenvolvimento de duas vacinas nacionais contra a covid-19, que já estão na fase de testes pré-clínicos, serão paralisadas.

De acordo com a universidade, em 2021, o orçamento aprovado pelo governo federal foi de R$ 299 milhões. Porém, apenas R$ 146,9 milhões foram liberados e outros R$ 152,2 milhões precisam de aprovação do Congresso Nacional para serem utilizados, mas não há data prevista para análise do tema.

A situação da UFRJ é grave. Mesmo que o Congresso vote a favor da suplementação orçamentária, apenas R$ 111,1 milhões serão disponibilizados, porque o governo federal ainda bloqueou R$ 41,1 milhões. Ou seja, somente R$ 258 milhões estarão disponíveis. Esse foi o mesmo orçamento do ano de 2008, quando a universidade tinha 34 mil alunos de graduação. Hoje, o número passa de 57 mil.

Em comunicado oficial, a reitora da Universidade declara que o corte nos recursos financeiros deixará a educação brasileira em estado crítico. “É uma escolha que o país está fazendo, que é abandonar suas instituições públicas de ensino, pesquisa e extensão, a casa do saber, o local de geração do conhecimento, que pode trazer uma perspectiva de um futuro melhor para o nosso país com o almejado desenvolvimento socioeconômico”, afirma Denise.

Fonte: Guia do Estudante

Postado por Abime

Related posts

UFJF anuncia corte de 75% nos recursos do programa de Apoio à Pós-graduação em Juiz de Fora

julio_bessa

CIRA: Conheça o aplicativo da USP que corrige sua redação

julio_bessa

Unicamp 2022: comissão define datas do vestibular

julio_bessa

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.